domingo, 11 de maio de 2014

Dúvidas


Ó meninos! hoje tenho umas dúvidas a colocar-vos...

De há uns tempos para cá, tenho vindo a reparar num comportamento que alguns gays têm que, francamente, a mim me faz alguma espécie. Eu reparei nisto quando conheci o P., reparei no namorado do M. e ontem isto calhou em conversa com o rapazinho que fui conhecer do grindr.

Alguém me consegue explicar porque é que num grupo de amigos gays existe o hábito ou a mania de se andarem a chamar de porca, e p**a, e sabe-se lá que mais?! É que para mim isto é um comportamento um pouco depreciativo, degradante e sem qualquer piada. Isto é assim em todos os grupos de amigos gays?

Estou a ser demasiado preconceituoso?

Existe alguém que partilhe esta minha opinião?

23 comentários:

  1. Sim, partilho em parte. é uma coisa que se pode dizer de vez em quando, na brincadeira e quando já há muita confiança. Quando me disseram isso, uma vez, respondi qq coisa do género: mas andamos juntos na escola?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sabes, mesmo com alguma confiança entre as pessoas, parece-me um bocado estranho. É um tipo de atitude que não me faz muito sentido. :S

      Eliminar
    2. É uma questão de há-vontade. Quando estás muito "á-vontade" com alguém, ela pode insultar-te de todas as formas, que tu ris-te, se for na brincadeira. Se calhar não tens é ninguém com confiança suficiente... LOL

      Eliminar
    3. Sim, é verdade que tudo é uma questão de se estar "á-vontade" com a pessoa. Mas não sei se, por exemplo a R. (com quem eu estou muito á-vontade e falo das mais variadíssimas coisas, desde sexo até situações constrangedoras que nos acontecem) me chamasse porca ou cabra eu iria achar muita piada. No entanto já em brincadeira me disse: Rúben não sejas porco!
      Acho que o género muda tudo! é parvoíce minha?

      Eliminar
  2. Estou com o Horatius, porca nunca me chamaram, puta poucas vezes, cabra é frequente, mas não é toda a gente e não é um grupo extenso de pessoas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mesmo assim não te é estranho Eolo?! Ou não te sentes incomodado com isso?

      Eliminar
    2. Sou um bocado cabra... A verdade é que para mim as palavras têm a força das pessoas que as dizem e alguém que não tivesse um determinado grau de confiança comigo
      Me chamasse algum destes nomes a coisa não corria bem, mas o que tu descreves é conversa de galinha e isso não me agrada.

      Eliminar
    3. Pois lá está! é essa conversa de galinha que a mim também não me agrada nada! :/

      Eliminar
  3. Mulher é mais usual. lololol

    Porca e Puta, são frases das "Falsas Sérias" lolololololololol

    ResponderEliminar
  4. pois, eu acho que depende de gays para gays.. como tudo.
    entre as pessoas que convivo normalmente nenhum tem esse hábito.. e ainda bem! o meu melhor amigo as vezes faz uma piada ou outra com isso sobre terceiros que não nós, tipo estar na rua e ver um rapaz a passar e dizer "olha para aquela puta" mas nada demais.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois o namorado do M. têm um pouco esse hábito, e como deve suspeitar que sou gay, tenta provocar-me para ver se eu ponho o pé em ramo verde.
      Mas da última vez, não sei que cara é que fiz, ficou logo caladinho! Não gosto mesmo nada disso!

      Eliminar
  5. no meu grupo íntimo de amigos, aka, a minha familia do afeto, é gorda práqui, gorda práli, mas é tudo na brincadeira... no grupo de teatro é diva ou porca, mas damo-nos todos bem, so no problem... tudo depende do TOM (e não, não é o gato que persegue o JERRY)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então quem é TOM?! não apanhei esta neko! :X

      Eliminar
    2. pensa sempre na simplicidade - depende do tom, da entoacao, do modo como se diz

      Eliminar
    3. Ahhhhh! lol
      Tu confundiste-me foi com a historia do gato. lol

      Eliminar
    4. foi reminiscências da infância e adolescência e vida adulta (sim, continuo a adorar Tom & Jerry)

      Eliminar
  6. Não digo palavrões, pelo que à partida parte desses nomes se exclui, maaaaasss embora não seja um hábito, raramente, brinco com esses adjetivos, mas quer com amigos ou amigas. Mas sei o que queres dizer, referes-te àquelas saídas constantes em todas as conversas, ou então quando se juntam muitos. Isso não, não mesmo. Sem paciência.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Era mesmo a essas saídas constantes que eu me referia Meia Noite... Quando é porca para aqui, cabra para ali, e as vezes até parecem que se esquecem do nome das pessoas... não gosto nada disso. :S

      Eliminar
    2. somos dois! não fomos educados pa isso :-)

      Eliminar
  7. Só oiço isso no gozo e muito raramente. Aliás, já nem me lembro da última vez que ouvi isso LOL

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A mim directamente, só mesmo o namorado do M. e costumo fazer-lhe uma cara que ele para logo. lol

      Eliminar