domingo, 20 de outubro de 2013

First Date



Pois bem... esta semana ganhei coragem e resolvi convidar o P. para ir beber uma café... a coisa não estava a andar por isso resolvi tentar a minha sorte...


Ele aceitou e lá fomos nós a um cafezito calmo e muito aconchegador.



Estava uma pilha de nervos... cheguei mais cedo do que devia... e depois só me ocorriam coisas como: "De que falamos? como devo de agir? A mais critica foi mesmo: "Como é que o cumprimento? Um aperto de mão? Sim? Não?" Entretanto pensei para com os meus botões que o mais sensato seria deixa-lo tomar a iniciativa e depois logo vês... e foi um aperto de mão...



Encontramos-nos à entrada do metro e depois fomos para o café e falamos bastante, sobre os tempos de faculdade, sobre o trabalho e só parámos quando apareceu a senhora do café a dizer que estava na hora de fechar... Ainda fiquei com a sensação que ele queria prolongar aquilo para um jantar, pois a dada altura disse-me que descobriu um novo restaurante e gostava muito de lá ir, mas achei que isso já era demais para um primeiro encontro... Será que fiz bem ou fiz mal???!



Depois de sermos interrompidos pela senhora fomos para o metro e continuamos a falar. E lá aparece outra crise, como é que me despeço?! Eu a ver a minha estação a chegar e a ter um bloqueio... escusado será dizer que saiu barraca.... com tanta coisa para dizer e fazer, resolvi tocar-lhe no ombro e desejar-lhe uma boa viagem e dizer que íamos falando... WTF... quando me apercebi já me tinha saído, não podia desdizer...



Que burro que fui, podia ter sido mais caloroso, mais carinhoso. Mas aquilo é despedida que se faça?! 



Pronto cheguei a casa tinha a R. em pulgas á minha espera para saber como tinha corrido... e disse-lhe logo a parte que mais me estava a incomodar, isto é, a despedida. Levei logo uma descompostura , pois claro... Ela disse-me logo para lhe mandar uma mensagem a dizer que tinha gostado muito daquele bocadinho e que esperava poder repetir. Lá corrigi um bocado o erro, e a rapariga no alto da sua perspicácia de mulher incitou-me a atirar a bola para o lado dele e dizer que ficava a espera do convite dele para um próximo encontro... E agora estou a espera.... 


Uma coisa é certa, gostei muito de estar com ele. Percebi que em certos aspectos somos diferentes, mas também temos coisas em comum... E agora que caminho sigo?! Qual é próximo passo?! Há algum assunto que deva abordar?! 

:S



14 comentários:

  1. Respostas
    1. Obrigado Kyle! Bem vou precisar de boa sorte!

      Abraço ;-)

      Eliminar
  2. Vamos falando??? Isso lá é coisa que se diz??? LOL :D espero que o rapaz perceba que foram os... "nervos do momento". :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi muito mau, não foi?! Mas quando me apercebi já tinha saído e só queria era voltar atrás...

      ele entretanto continuou a falar comigo mas espero que ele tenha mesmo percebido que foram só nervos e muita falta de prática! :S

      Lol!

      Abraço

      Eliminar
  3. Nada como lhe dizeres que eram os nervos a falar xD
    A sinceridade é o melhor.
    A maior sorte ^^

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também já tinha pensado abordar isso, mas estava a pensar fazê-lo pessoalmente num segundo encontro. Acho que é melhor ser cara a cara.

      Obrigado ;-)

      Eliminar
  4. Ruben, este é dos posts mais amorosos de sempre em toda a blogosfera!! loool :D :D adorei.
    São coisas que acontecem, não te preocupes com isso. Com certeza que ele percebeu; e fico contente que tenha corrido bem! :D

    Abraço e força nisso!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem devo confessar-te que fiquei todo inchado com este elogio! Lol Xd

      Obrigado pela força Inefável :D

      Eliminar
  5. Convidaste para um café e não para jantar :)

    Logo, que seja o P. a convidar-te para tal.... ;)

    Teres saído a correr é normal, mas também não assuste o rapaz com tanta mensagem... Deixa ser ele a procura-te também :)

    Se ele gostou e pelos vistos gostou(tanto tempo no café), ele vai te convidar, wait and see :D

    Grande Abraço Rúben

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu tento não ser muito chato com as mensagens... alias quando fico mais tempo para responder ele volta a mandar-me uma nova mensagem... o que é bom, não é? :-X

      Quanto ao convite eu continuo à espera, mas confesso que já desespero... Lol

      Obrigado pelos conselhos Francisco...

      Abraço ;-)

      Eliminar
  6. que fofo!! ahah
    não foste nada mau na despedida, alias, se fosse comigo e se tivesses feito algo mais do que um aperto de mão, eu acharia estranho e podia até nem reagir bem..
    o importante era a sms a seguir, mostrar que gostaste de estar com ele.
    agora se puderem estar mais vezes juntos, melhor, se der para jantar, melhor ainda!
    força nisso, não fizeste nada de mal x)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lol!

      Mas acho que podia ter dito qualquer coisa mais carinhosa... fui um bocado frio... :-/

      Agora estou a espera de um convite para o próximo encontro... e se ele me convidar para jantar é claro que aceito :D :D

      Abraço Aaron ;-)

      Eliminar
  7. Deixa as coisas acontecerem naturalmente. Não forces nada. Parece-me que tudo começou bem, visto que houve empatia. :)

    abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pelo conselho Mark!

      As vezes para ser franco fico com receio de estar a ir com demasiada sede ao pote... mas acho que até agora tenho me controlado bem...

      ;-)

      Eliminar